Central de marcação de consultas

(31) 3248-3000   


Saiba como prevenir o câncer no intestino

Compartilhe:

O câncer colorretal é o tumor maligno que surge no intestino grosso, nas regiões do cólon (parte inicial) ou reto (parte final). 

A doença pode atingir pessoas de todas as idades, mas é mais comum aparecer depois dos  45 anos. Segundo o Instituto Nacional de Câncer (INCA), esse é o terceiro tipo de câncer mais frequente entre os brasileiros, atrás apenas dos cânceres de próstata e pulmão.

Para fazer o diagnóstico e tratamento do câncer colorretal e de outras doenças no intestino, você deve marcar uma consulta com um coloproctologista, profissional que cuida das doenças do anûs, intestino delgado, grosso e reto.

>> Leia mais: Coloproctologia: saiba tudo sobre esta especialidade

Em setembro, a Sociedade Brasileira de Coloproctologia (SBCP) realiza a campanha Setembro Verde, que tem o objetivo de conscientizar a população sobre a prevenção de câncer no intestino. 

Por isso, vamos esclarecer mais detalhes sobre essa doença, para te ajudar no controle dos fatores de risco e na prevenção.

Fatores de risco e sintomas

Um dos principais fatores de risco para o desenvolvimento do câncer colorretal é o histórico familiar. Quem tem casos da doença na família tem mais chance de desenvolvê-la no futuro.

Porém, segundo a Dra. Adriana Cherem, especialista em coloproctologia do Semper, outros fatores também aumentam as chances da doença aparecer. Corre mais risco quem leva um estilo de vida considerado pouco saudável, que envolve o consumo de:

– bebidas alcóolicas;
– cigarro;
– carnes vermelhas;
– gorduras em excesso.

Na maior parte dos casos, o câncer colorretal é uma doença silenciosa. Os primeiros sintomas costumam aparecer apenas quando o tumor está em um estágio avançado, o que dificulta bastante o tratamento e a cura dos pacientes. São sintomas da doença:

– diarreia;
– cansaço;
– dores abdominais;
– presença de sangue nas fezes;
– entre outros.

Diagnóstico e prevenção

A principal forma de diagnóstico do câncer colorretal é o exame da colonoscopia, que captura imagens do intestino grosso. Ele identifica possíveis pólipos que, se não tratados, podem evoluir para câncer.

Quanto mais cedo for identificada a presença do pólipo, maior é a chance de sucesso no tratamento. Por isso, os exames preventivos são tão importantes. Durante a colonoscopia, o pólipo pode ser retirado, impedindo o avanço da doença.

Hoje, a colonoscopia já é recomendada como um exame de rotina para pessoas acima de 45 anos, mas de acordo com a Dra. Adriana, quem tem casos na família deve começar a prevenção aos 40 ou até mesmo antes dependendo da avaliação do seu histórico familiar. 

Tratamento

O tratamento do câncer colorretal é feito com procedimentos variados, que vão desde radioterapia e quimioterapia até cirurgias.

O Semper conta com uma equipe de coloproctologia especializada, que está pronta para atender qualquer paciente que apresente problemas no intestino, realizando, até mesmo, cirurgias de emergência em pacientes que já chegam ao hospital com um quadro grave.

Não espere os sintomas aparecerem, nem deixe a situação se agravar. Faça o exame de prevenção marcando uma consulta com os coloproctologistas do Semper, pelo número: (31) 3248-3000.